• 230X230 CentroAletti 0006230X230 CentroAletti 0011230X230 CentroAletti 0018
    © Centro Aletti
  • 230X230 CentroAletti 0001230X230 CentroAletti 0004230X230 CentroAletti 0005
    © Centro Aletti
  • 230X230 CentroAletti 0019230X230 CentroAletti 0020230X230 CentroAletti 0021
    © Centro Aletti
TRANSFIGURAÇÃO

Ir. Marina Santos, aci
 
«viram a glória de Jesus»

Naquele tempo, Jesus tomou consigo Pedro, João e Tiago e subiu ao monte, para orar. Enquanto orava, alterou-se o aspeto do seu rosto e as suas vestes ficaram de uma brancura refulgente. Dois homens falavam com Ele: eram Moisés e Elias, que, tendo aparecido em glória, falavam da morte de Jesus, que ia consumar-se em Jerusalém. Pedro e os companheiros estavam a cair de sono; mas, despertando, viram a glória de Jesus e os dois homens que estavam com Ele. Quando estes se iam afastando, Pedro disse a Jesus: «Mestre, como é bom estarmos aqui! Façamos três tendas: uma para Ti, outra para Moisés e outra para Elias». Não sabia o que estava a dizer. Enquanto assim falava, veio uma nuvem que os cobriu com a sua sombra; e eles ficaram cheios de medo, ao entrarem na nuvem. Da nuvem saiu uma voz, que dizia: «Este é o meu Filho, o meu Eleito: escutai-O». Quando a voz se fez ouvir, Jesus ficou sozinho. Os discípulos guardaram silêncio e, naqueles dias, a ninguém contaram nada do que tinham visto.
[Lc 9, 28b-36]

Aproximando-se a hora da Sua morte, e percebendo nos discípulos uma grande dificuldade para a saber enfrentar, Jesus oferece-lhes uma espécie de “hora de glória”, uma experiência antecipada da ressurreição.

Subiram ao monte para rezar, como tantas vezes faziam. Jesus escolheu três deles: os mesmos que O acompanhariam na noite difícil em Getsemani. E “enquanto orava, alterou-se o aspeto do seu rosto”, e apareceram Moisés e Elias que falavam sobre a morte de Jesus. Naquele momento de glória, o tema de conversa é a morte de Jesus, a Sua paixão que traz a salvação.

Ao contrário doutras vezes, em que Pedro tentava mudar de assunto ou até se zangava com Jesus por dizer que ia morrer, agora quer ficar ali. Será que está ofuscado pelo que acabou de ver e pensa que será esse o momento de glorificação de Jesus e dos seus amigos? Ou será que Pedro percebeu finalmente que a exaltação de Jesus será na cruz? Pode ter medo, ainda, mas não terá ele sido alcançado pela Graça, neste momento? Não terá começado a perceber algo do Mistério de Jesus: Filho de Deus feito homem, disposto a dar a vida para que todos a tenham em abundância?

A voz de Deus fez-Se ouvir, centrando-os em Jesus, o Filho muito amado. E os discípulos guardaram silêncio. Até ser a hora de revelar o que tinham visto e ouvido.


• Aproveito este momento de oração para me situar diante das coisas mais difíceis da vida, diante da minha cruz, com Jesus. Deixo que Ele ilumine com Vida e Sentido tudo aquilo que mais me custa viver.