• 230X230 CentroAletti 0001230X230 CentroAletti 0004230X230 CentroAletti 0005
    © Centro Aletti
  • 230X230 CentroAletti 0019230X230 CentroAletti 0020230X230 CentroAletti 0021
    © Centro Aletti
  • 230X230 CentroAletti 0006230X230 CentroAletti 0011230X230 CentroAletti 0018
    © Centro Aletti
ENTRAR NA LÓGICA DE DEUS

Ir. Marina Santos, aci

Ela ficou perturbada com estas palavras e pensava que saudação seria aquela. Disse-lhe o Anjo: «Não temas, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. Conceberás e darás à luz um Filho, a quem porás o nome de Jesus. Ele será grande e chamar-Se-á Filho do Altíssimo. O Senhor Deus Lhe dará o trono de seu pai David; reinará eternamente sobre a casa de Jacob e o seu reinado não terá fim».

Maria disse ao Anjo: «Como será isto, se eu não conheço homem?». O Anjo respondeu-lhe: «O Espírito Santo virá sobre ti e a força do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra. Por isso o Santo que vai nascer será chamado Filho de Deus. E a tua parenta Isabel concebeu também um filho na sua velhice e este é o sexto mês daquela a quem chamavam estéril; porque a Deus nada é impossível».

Maria disse então: «Eis a escrava do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra».
[Lc 1, 29-38]

Deus aproxima-Se de Maria, entra na sua vida e ela recebe-O, acolhe a visita e a Presença.

Perturbada, porque tudo aquilo era muito grande! Na sua visita, Deus faz promessas que apontam para o Alto, para Mais, para o Infinito.

Mas, ao contrário do que seria de esperar nos dias de hoje, não apresenta um plano detalhado de como tudo vai acontecer! Não apresenta objetivos, meios, prazos, riscos, cálculos… Aliás, se apresentasse a Maria naquele momento o plano de tudo o que seria a vida de Jesus, provavelmente ela não estaria preparada para o acolher! Seria apresentar um plano à partida falhado e incompreensível!

De facto, nós hoje olhando para a vida de Jesus vemos a realização do que o Anjo prometeu: “Ele será grande… o Seu reinado não terá fim…” Mas Maria não viu nada disso ao longo da vida. Continuaria a recordar e a ponderar no seu coração as palavras do Anjo, mas a verdade é que não foi vendo “grandezas” nem “realezas”.

O seu filho era uma criança normal, as circunstâncias em que nasceu foram especialmente difíceis, e até tiveram que fugir para sobreviver…

Ao voltar para Nazaré esperava-os outra vez a vida normal, muitas vezes dura, e um Messias a crescer entre eles sem dar nas vistas. 30 anos de vida oculta e depois uns 3 de entrega absoluta à Missão a que se sentia chamado: o Reino de Deus. Foram poucos os momentos em que foi aclamado como grande e Ele próprio não queria ser Rei.

A promessa pareceu desabar completamente na cruz: foi elevado, sim, mas pregado numa cruz, como um malfeitor…

Realmente, a promessa de Deus só é compreensível depois da Ressurreição e de algum tempo. O tempo que o coração humano precisa para entrar na lógica de grandeza de Deus. Maria precisou de toda uma vida para perceber a lógica de Deus.

• Peço, hoje, que Deus aumente a minha Fé: que me dê a capacidade de entrar na Sua lógica. Deixo que Ele me convide a MAIS, que me ofereça horizontes amplos, que alargue o espaço do meu coração, para que nele entre a Sua lógica tão diferente da minha.

• Peço a graça da humildade que preciso para não querer perceber tudo, para não querer controlar tudo. Para aceitar que não seja tudo (ou não seja nada) como eu faria, como eu queria, como eu esperava. A promessa de Deus cumprir-se-á numa lógica diferente da minha, como aconteceu com Maria.


 pdf